30 junho 2009

É falta de educação bater palmas para o Hino Nacional?

http://lucianasabbag.files.wordpress.com/2009/05/brasil.jpg

 
Não, mas não é a atitude mais adequada, diz o professor Dalmo de Abreu Dallari, da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. A Lei 5 700, de 1971, que trata do hino, exige apenas "atitude de respeito" durante sua execução e nada fala sobre palmas depois. "Aplaudir o próprio hino, embora não seja proibido, é como aplaudir a si mesmo, uma espécie de autolouvação patriótica exagerada", afirma Dallari.

17 comentários:

  1. Claro que pode. Vide tapes de olimpíadas, copas do mundo, etc. Mesmo que meia dúzia de imbecis do nosso (des)governo achem que não pode, nesse ponto eles não mandam. Nem estão interessados em mandar, o negócio deles é se locupletar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo2/6/13 16:02

      não diga oque você sabe seu civil imundo !

      Excluir
  2. Cássio José Moron2/7/09 10:34

    Anonimo, bater palmas é sim considerado um desrespeito, pq o momento do hino É o momento solene. Ou seja: ao bater palma, vc acaba tirando do hino a solenidade, para transferir para o momento PÓS-HINO essa solenidade, o que acaba por se tornar um desrespeito. Ultimamente, tb tenho presenciado a Igreja Católica bater palmas ao final da leitura do Evangelho. Também considero um erro, pq a leitura seria o ato principal.

    ResponderExcluir
  3. Realmente,quem estudou em escola decente e teve educaçao decente aprendeu que nao se deve bater palmas após o hino.
    Agora,quem vai em campo de futebol nem sabe cantar o hino,vai saber que nao se deve aplaudi-lo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é falta de respeito até porque não está escrito isso em nenhum lugar. As pessoas só aplaudem coisas que gostam, então ao aplaudir o hino estão aplaudindo o seu país, sua pátria porque gostam.
      E não é questão de estudar em escola boa ou não até porque nossa presidente Dilma Rousseff é bem estudada e tem faculdade e faz e fala coisas muito piores.
      #euaplaudoohino#euamomeupaís

      Excluir
    2. Falou tudo
      vamos aplaudir o hino
      #euaplaudoohino#euamomeupaís

      Excluir
  4. Anônimo2/7/09 15:31

    a galera não sabe nem cantar o hino...

    pra alguns, bater palmas após o hino é a unica maneira de 'participar' dele.

    ResponderExcluir
  5. Anônimo2/7/09 15:51

    Deve bater palmas para quem canta ou toca o hino, se houver. Mas se for através de Cd ou dos próprias presentes não. Então, bater palmas é um respeito para o executante e não ao hino.

    ResponderExcluir
  6. Anônimo2/7/09 21:58

    Só é ridiculo em casos de som mecanico, quando e orquestra ou cantores e sim aplaudido

    ResponderExcluir
  7. Anônimo3/7/09 14:24

    Na posse do Lula eles aplaudiram, e entao?

    ResponderExcluir
  8. Bom, eu aprendi lá no início do primário, que não devemos bater palmas após o Hino Nacional, por questão de respeito. Quem bate palmas após o Hino bate palmas pq não sabe disso e com certeza não faz por mau (faz pra dizer o quanto ama seu país)

    ResponderExcluir
  9. Anônimo6/9/11 11:19

    aplaudir o HINO NACIONAL é falta de respeito pois não estamos aplaudindo qualquer pessoa mas sim a nossa nação a glória BRASILEIRA!!!

    ResponderExcluir
  10. nao sei nem cantar o hino meu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coitado de você!!!

      Excluir
  11. nada mais respeitoso e contagiante que aplaudir o nosso Hino,após a sua execução em quaisquer ocasiõesEngessar tais manifestações me passa a ideia dos tempoa da ditadura que era terminantemente proibido com receio de levar ás manifestaçõe de protesto ou repulsa à então época vigente.

    ResponderExcluir
  12. Não podemos trocar o certo pelo duvidoso. O certo é: não aplaudir o hino, pois ele por si só se exalta e exalta os elementos nele retratados. O aplauso seria uma homenagem não ao hino em sim, mas às pessoas que o executaram e o cantaram.
    errado é: aplaudir após o hino, pois o aplauso ocorre por conta da execução do hino, mesmo que seja após e não durante, caracteriza-se como continuação do momento cívico que dura a música, por tanto fere a lei que diz: "de maneira respeitosa e em silêncio", ou seja, a única atitude que deve predominar é o cântico. O aplauso abre a possibilidade de:

    - não atentar as pronúncias corretas, bem como o aprendizado correto em si, pois o individuo se concentraria no que é mais fácil: apenas aplaudir;
    - Entre os que aplaudirão com o "fim adequado"(se é que podemos dizer), haverão os que irão "zoar" com o hino (perfeitamente possível, levando em conta a atitude corrupta de alguns governos, podendo o povo confundir o símbolo cívico com o próprio governo) , abrindo assim um precedente ou "um álibi" para praticar uma ação ilegal sobre um momento legítimo.
    -Qualquer proposta de uma nova regrai que promova o aplauso irá contradizer a lei e gerar uma confusão desnecessária na mente do povo. Por tanto, é melhor continuar ensinando e praticando que não se deve aplaudir após o hino.

    ResponderExcluir

iTzMiiiza ae

Blog Widget by LinkWithin